Sexta-feira, 21 de Outubro de 2005

Impressões...

Esta tarde saí de casa para trabalhar. As nuvens cobriam o céu mas o sol espreitava. Enquanto ensinava pronomes e determinantes, olhei para a janela e vi as nuvens correndo, rasgando-se, fendendo-se, abrindo-se para dar lugar a um azul celeste. Seria um bailado, uma dança provocada pelo vento, aquela agitação repentina das nuvens.
Passei o resto da tarde em casa de uma amiga. Quando saí, já à tardinha, o céu ofereceu-me um daqueles espectáculos que me enchem os olhos de cor e a alma nem sei bem de quê. As nuvens incandescentes, o céu repleto de matizes e escurecendo-se lentamente.
Aqui há uns anos tb assisti a um espectáculo assim, talvez na mesma altura do ano, num dia com semelhantes condições climatéricas em que a chuva dera lugar ao sol. Na altura expressei um desejo: como gostava de saber pintar para captar a beleza daquele céu. Ao meu lado caminhava alguém entendido em artes que me disse: «Já imaginaste a quantidade de cores e matizes que seriam necessárias para fazer semelhante quadro? Isso é impossível».
Mas hoje voltei a olhar para o céu e pensei: «Quem me dera saber pintar para captar um céu assim». É que nunca ninguém poderá olhar pelos meus olhos para dizer que é impossível captar algo assim... a mim só me faltam os instrumentos para o fazer... nunca se sabe se não os virei a adquirir e até lá... vou continuar a sonhar com o céu que gostaria de pintar.
publicado por impressoesdigitais às 23:39
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Anónimo a 23 de Outubro de 2005 às 23:09
Compartilho contigo a pena de não puder reproduzir as matizes que me iluminam o olhar. Há sorrisos quem nem um «da Vinci» alguma vez poderiam reproduzir, os céus como o que descreves que por muito avançada que fosse a técnica (ou a tecnologia) se poderia transmitir a quem não viu. É que faltaria sempre o ingrediente principal que torna tão únicas essas experiências: o nosso coração.Mauro
(http://cognosco.blogs.sapo.pt)
(mailto:mauro.maia@sapo.pt)

Comentar post

Impressões

anonimacto

aveiro

avó

comédia da vida

dúvidas e mudanças

episódios

famílias de hoje

felinas

grandes portugueses

impressões poéticas

mercado negro

natal

novas oportunidades

novo ciclo

poesia

poéticas

prémios

referendo

reflexões

teatro

televisão

viagens

todas as tags

Patrocínio

Agosto 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

Impressões sobre casament...

Impressões sobre casament...

Impressões sobre um selo

Impressões sobre mudanças...

Impressões sobre 2008

Impressões natalícias

Impressões sobre outra ma...

Impressões sobre novos de...

Impressões teatrais

Impressões sobre "A Coméd...

links

Impressões solidárias

Carolina

arquivos

Agosto 2010

Dezembro 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Runas
blogs SAPO

subscrever feeds