Quinta-feira, 22 de Setembro de 2005

Primeiras impressões pós-traumáticas


Ontem tive um acidente. Um cruzamento com má visibilidade, um espelho a fornecer más indicações, uma ilusão de óptica, um golpe de sol, uma entrada pouco prudente, uma senhora que seguia de moto a alta velocidade e bate no pneu do meu carro, uma queda aparatosa, um a mulher sentada no chão queixando-se de várias dores, muita gente acorrendo ao local dando vários palpites, uma ambulância que chegou com celeridade mas pareceu demorar horas, um polícia simpático a registar a ocorrência, muita gente à volta a ver a desgraça dos outros muito depois da ambulância partir, sopro no balão (0,0), medições na estrada, ligações para o hospital infrutíferas, descoberta do número de telefone, ferimentos ligeiros e dores, estragos no motociclo, automóvel ileso, condutora abalada.
É assim que me surge na mente a memória do acidente. Ainda não consigo reflectir a sério sobre o que aconteceu, dificilmente conseguirei chegar a uma conclusão clara sobre o motivo por que avancei e não me apercebi da scooter. Dizem que são coisas que acontecem, mas é difícil constatarmos de que podemos ser os causadores de ferimentos noutra pessoa, de danos físicos que podem mesmo ser fatais.
Sei que a vida é um risco permanente, as estradas estão cheias de perigos, contaram-me, aliás, que naquele lugar já se deram acidentes com consequências muito graves, mas isso não me tranquiliza. Aconteceu... acontece... não acontece só aos outros, mas eu dava tudo para que ontem eu não tivesse sido um dos outros...

publicado por impressoesdigitais às 17:38
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Anónimo a 24 de Setembro de 2005 às 00:03
Por essas e por outras é que, nos 2 anos após tirar a carta, praticamente me recusei conduzir. A minha imaginação sem noções de altitude punha-se a traçar quadros de pesos de consciência por acidentes causados na estrada. Hoje sei que nada disso é relevante.Teremos todos sempre que fazer o nosso melhor e esperar que os outros façam o mesmo. O facto é que todos já tivémos acidentes. Eu tive já 2 ou 3. É a única forma de os sabermos evitar...Força!luis
(http://bloquito.blogs.sapo.pt)
(mailto:luismpcardoso1@sapo.pt)

Comentar post

Impressões

anonimacto

aveiro

avó

comédia da vida

dúvidas e mudanças

episódios

famílias de hoje

felinas

grandes portugueses

impressões poéticas

mercado negro

natal

novas oportunidades

novo ciclo

poesia

poéticas

prémios

referendo

reflexões

teatro

televisão

viagens

todas as tags

Patrocínio

Agosto 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

Impressões sobre casament...

Impressões sobre casament...

Impressões sobre um selo

Impressões sobre mudanças...

Impressões sobre 2008

Impressões natalícias

Impressões sobre outra ma...

Impressões sobre novos de...

Impressões teatrais

Impressões sobre "A Coméd...

links

Impressões solidárias

Carolina

arquivos

Agosto 2010

Dezembro 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Runas
blogs SAPO

subscrever feeds