Sábado, 8 de Abril de 2006

Impressões sobre mensagens estranhas

O episódio é no mínimo estranho. Ainda estou na dúvida se não teria sido alguém a brincar comigo. Recebi uma mensagem escrita no meu telemóvel, na linguagem dos "x" e dos "K" a perguntar quem eu era. Estranhei não só pelo facto de desconhecer o número, como pelo facto da linguagem utilizada que deduzi ser de adolescente. Não liguei, pensei que tivesse sido algum engano. Mais tarde a pessoa voltou a insistir: 3 mensagens a perguntar se eu não dizia nada. Resolvi responder dizendo que também não sabia de quem era o número. Recebo mensagem de volta: dizia que eu tinha mandado um yorn e queria saber quem eu era. Repliquei dizendo que não tinha enviado nada e para desfazer equívocos, não fosse por algum engano ter tocado nalguma tecla, disse o meu nome. De volta recebo uma mensagem dizendo que não me devia conhecer, mas querendo saber quem eu era. Eu respondi. Disse que devia ter havido um engano e pedi desculpa dizendo que não ia responder a mais nenhuma mensagem. Recebi, como resposta uma série de insultos alegando que eu é que tinha enviado um yorn.

O que eu queria saber é o que é um yorn? É que por esse nome só sei que se trata de uma espécie de "filial" da Vodafone. Além disso pergunto-me: como é que alguém teve acesso ao meu telemóvel? Será que alguém usou o meu número? Para já vou verificar a minha factura detalhada e estar atenta ao meu saldo...

publicado por impressoesdigitais às 23:53
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De maresia a 9 de Abril de 2006 às 18:05
Não faço ideia do que seja um yorn, mas assumo qualquer coisa como um sms a convidar para qualquer porcaria da rede vodafone... acessos a telemóveis, nos dias que correm? Estamos nas mãos das Auto-estradas da partilha de informação. Nós mesmos nos expomos aqui de livre e premeditada vontade...

Proponho um exercício: tenta escrever o teu nome, o teu nick, o teu alias, o que te lembres que de alguma forma te represente num Google qualquer. Vais ver a quantidade de informação que encontras sobre ti, coisas que nem sabias que existiam.

O problema da maior parte das pessoas que se entregam a este mundo da comunicação, é que não têm a mínima das noções da forma como, cada vez mais, a facilidade de comunicação representa a perda de privacidade. Ou assumes e te entregas, ou te afastas de vez... não há meios-termos, não há!

Comentar post

Impressões

anonimacto

aveiro

avó

comédia da vida

dúvidas e mudanças

episódios

famílias de hoje

felinas

grandes portugueses

impressões poéticas

mercado negro

natal

novas oportunidades

novo ciclo

poesia

poéticas

prémios

referendo

reflexões

teatro

televisão

viagens

todas as tags

Patrocínio

Agosto 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

Impressões sobre casament...

Impressões sobre casament...

Impressões sobre um selo

Impressões sobre mudanças...

Impressões sobre 2008

Impressões natalícias

Impressões sobre outra ma...

Impressões sobre novos de...

Impressões teatrais

Impressões sobre "A Coméd...

links

Impressões solidárias

Carolina

arquivos

Agosto 2010

Dezembro 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Runas
blogs SAPO

subscrever feeds