Sábado, 2 de Junho de 2007

Impressões sobre percursos de vida

Às vezes, por alguns momentos, sinto inveja daquelas pessoas cujo percurso de vida se assemelha a uma estrada quase direita, com uma curva de longe a longe. Parecem seguir sempre em linha recta, nunca se desviando do rumo traçado. Mas são pessoas de uma só cor que, seguindo o azul, desconhecem o amarelo, o verde e o rosa. É tudo infinitamente azul.

O meu início de vida também foi assim, com uma pequenina excepção: eu sabia da existência das outras cores. Andei praticamente em linha recta durante quase vinte e dois anos, depois tudo mudou: curvas, contra-curvas, desvios e mais desvios, muitas rotundas, muitas mudanças de direcção a ponto de já não saber qual era a cor da estrada que devia seguir. Mas tirando os sinais de stop onde fiquei parada durante demasiado tempo e me fizeram perder certos comboios, ter conhecido o rosa, o vermelho e o azul não foi perda de tempo. Só tem tornado o minha estrada de paralelos amarela mais interessante, dando-lhe nuances que não imaginaria que pudesse vir a ter.

Impressões:
publicado por impressoesdigitais às 23:58
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Mauro Maia a 21 de Junho de 2007 às 22:08
Não será por acaso que o arco-íris é um símbolo de beleza mais evidente do que um campo todo verde de erva. É só imaginar o que seria ir a um museu e ver todos os quadros com uns óculos de lentes azuis: fica tudo azul, perdem-se as nuances de cor, as subtilezas da cor... A vida monocromática, por muito seguro que seja, é, exctamente por ser segura, a maior fonte de aborrecimento que se possa imaginar. Imagina um avô, a contar as histórias da sua vida aos seus netos, para lhes passar os valores que são importantes passarem de geração em geração: «E ainda me lembro daquele ano... AhAhAh... aquele ano... em que tive as mesmas turmas que tive o ano anterior e em que tudo foi quase na mesma... Ricos tempos...». Quer dizer, é mais pobre uma poessoa que passou a vida num mar de azul do que um que visitou o arco-íris... Apesar das preocupações, tenho certeza que não trocarias a imensidão das tuas vivências pela monotonia do habitual...

Comentar post

Impressões

anonimacto

aveiro

avó

comédia da vida

dúvidas e mudanças

episódios

famílias de hoje

felinas

grandes portugueses

impressões poéticas

mercado negro

natal

novas oportunidades

novo ciclo

poesia

poéticas

prémios

referendo

reflexões

teatro

televisão

viagens

todas as tags

Patrocínio

Agosto 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

Impressões sobre casament...

Impressões sobre casament...

Impressões sobre um selo

Impressões sobre mudanças...

Impressões sobre 2008

Impressões natalícias

Impressões sobre outra ma...

Impressões sobre novos de...

Impressões teatrais

Impressões sobre "A Coméd...

links

Impressões solidárias

Carolina

arquivos

Agosto 2010

Dezembro 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Runas
blogs SAPO

subscrever feeds